Economia

O COPOM decidiu baixar a taxa básica de juros de 10,25% ao ano para 9,25% ao ano. É a 7ª baixa consecutiva e a primeira vez que fica abaixo dos 10% desde de 2013. Veja como isto afeta a população e empresas.


Economia

O Ministério do Planejamento informou que pode oferecer até 1,25 salário por ano trabalhado, jornada reduzida pela metade e cortes proporcionais de salário. O PDV virá com o objetivo de economizar R$ 1 bilhão por ano.


Economia

O FMI publicou o relatório "Perspectivas Econômicas Globais.", que projeta um crescimento do PIB brasileiro em 2017 de 0,2% para 0,3%. Mas, devido a crise política, as previsões para 2018 é de redução da atividade econômica.  


Economia

Em nota, os ministérios da Fazenda e do Planejamento anunciaram na última quinta-feira, 20/07, o aumento nos impostos PIS e Cofins cobrados sobre combustíveis. O decreto foi assinado pelo presidente Michel Temer e publicado na sexta, 21/07. Os aumentos passam a valer a partir desta data.


Economia

Segundo o Indicador Serasa Experian, o número de consumidores inadimplentes no país chegou a 61 milhões em maio. É um novo recorde negativo da série histórica registrada desde 2012.


Economia

Os bons números da balança comercial revelam que a economia se mantem dinâmica e a crise não atinge todos os setores uniformemente. O governo comemora o melhor resultado para o mês de junho em 28 anos.   


Economia

O Japão está criando as bases para um programa de educação gratuita, cujo objetivo é cobrir os custos de alunos da pré-escola até a faculdade, garantido que no futuro o país mantenha o crescimento econômico através de uma força de trabalho altamente qualificada.


Economia

Serviços e agronegócio puxam para cima os números dos empregos com carteira assinada e pela segunda vez no ano o saldo é positivo. É o resultado da melhora do PIB do primeiro trimestre, mas a instabilidade política continua afetando a criação de mais empregos.  


Economia

Dois indicadores econômicos, o de desemprego e de nível de poupança, demonstram o retrato de uma economia encolhida pela recessão.


Estúdio GME

Para o pesquisador Samuel Pessôa, a crise econômica que ainda assola o país está entre as duas piores da nossa história e é a que mais vai demorar para terminar. Ele acredita que a recuperação já está ocorrendo. Clique e assista.


Estúdio GME

Ex-presidente do BNDES e ministro das Comunicações, ele acredita que a economia já saiu do buraco, apesar dos solavancos políticos. Sobre a crise, resume: foi um clássico estouro de "bolha" de consumo. Assista.


Estúdio GME

Na série PENSAR BRASIL, o ex-ministro da Fazenda, Maílson da Nóbrega, diz que a atual crise econômica é inédita e foi a mais previsível de todas, diante de tantos claros erros do governo. Para ele, o país depende do próximo presidente para se recuperar por completo. Assista.


Executivo da Angola Cables conta que está prestes a concluir a ligação direta por cabo submarino de 6.500 quilômetros entre Luanda e Fortaleza. Até agora, comunicação com a África era feita via Estados Unidos e Europa. Clique para assistir.


Economia

O Programa de Parcerias de Investimentos é considerado a saída na busca por dinheiro privado para a infraestrutura. Uma das tarefas é reconstruir parte da BR 163, no Pará, para escoar grãos pela Rota Norte.

(Foto: 53º Bis)


Economia

Em 2016, o uso do recurso cresceu 45%. Mas consultores estão otimistas: cases de sucesso como o da Casa & Vídeo (foto) são exemplo de que a crise pode ser oportunidade a empresas em dificuldade.