Para Priscila Cruz, presidente da ONG, investir no ensino não dá resultados rápidos, é difícil, mas é a melhor forma de fazer o país avançar social e economicamente